Somas em disputas judiciais exigem aferição cuidadosa

Domínio financeiro deve ser de exclusiva competência da empresa

Antonio Carlos Alvim de Macedo*

Macedo_diretorMACDATAAs demandas judiciais podem gerar resultados imprevisíveis e de alto custo para as empresas caso os procedimentos fundamentais para evitar perdas voluntárias e involuntárias não sejam observados. Por isso, não basta contratar escritórios jurídicos reconhecidamente competentes para evitar prejuízos nas demandas judiciais. Além da defesa dos interesses da empresa no âmbito judicial, é necessário estabelecer normas regulamentares para a atividade visando evitar, detectar e tratar qualquer desvio ou inconformidade que possa ocorrer.

Merecem atenção os seguintes aspectos:

1. Provisionamentos

É importante verificar o comportamento financeiro perante as ações judiciais, sempre lembrando que provisionamentos altos demais geram alocação excessiva de capital, sendo que o inverso interfere negativamente no fluxo de caixa.

2. Custos com perícias

Se a empresa não apresenta cálculos confiáveis nas liquidações de sentenças, inevitavelmente a perícia judicial será determinada pelo juiz.

3. Acordos

Na Justiça do Trabalho, não se pode considerar todos os pedidos formulados pelo reclamante como valor de negociação. É comum o reclamante postular direitos inexistentes somente com a intenção de valorar o processo.

4. Custos de manutenção

Em um universo de demandas trabalhistas, geralmente existe uma quantidade considerável de ações denominadas “negativas”, onde se gasta mais para mantê-las do que para liquidá-las.

5. Controle sobre os pagamentos

Como processos geram custos diversos, é necessário controlar não somente os depósitos recursais, mas também as despesas gerais incluindo os custos com cálculos e assistências periciais. A prática da boa governança corporativa deve ser efetuada em prol dos acionistas, investidores e da própria empresa. No entanto, na área jurídica ainda existe certa resistência na implantação de processos e controles, o que resulta em um isolamento à semelhança de uma “caixa preta”.

Há fatores que contribuem para impedir a implantação de processos específicos ou gerar inconsistências que impedem o perfeito monitoramento da área. Dentre eles, a natureza protecionista da Justiça do Trabalho, que induz os trabalhadores a formularem pleitos indevidos, uma vez que não são aplicadas sanções para coibir tal prática. Quando existem vários pedidos, é necessário apurar os valores correspondentes e classificá-los isoladamente. Portanto, uma ação trabalhista pode apresentar valores em diversas classificações de risco.

Não se deve esquecer, ainda, o reflexo entre os pedidos formulados, que, dependendo da classificação, pode afetar o resultado de forma significativa. Simulando uma ação trabalhista que pleiteie equiparação salarial e horas extras onde a área jurídica atribua um risco de perda provável estimado em 30%, no primeiro pedido é importante que os demais sejam calculados levando em consideração a primeira atribuição e assim por diante, sempre que o risco seja modificado.

Na negociação de acordos, é imprescindível que a empresa se posicione dentro de sua margem de perda real. Na prática, geralmente, isso não acontece.

A fim de que sejam apurados valores confiáveis, é necessário integrar os sistemas de folha de pagamento e ponto eletrônico ao sistema de cálculo. Caso contrário, por mais que se adotem critérios de apuração, o resultado será ilusório, comprometendo todo o processo de classificação de risco e o consequente provisionamento.

Como os processos envolvem diversos agentes, internos e externos, é de suma importância que o controle seja efetuado de forma digital, online. Desta forma obtém-se interação em tempo real fazendo com que os resultados transitem dentro dos prazos necessários.

Deve ser de exclusiva competência da empresa o domínio financeiro. Esta responsabilidade não pode ser transferida aos escritórios jurídicos, que devem se restringir à função de classificar os riscos de perda aos títulos já calculados. Muitas empresas delegam todas as etapas do processo jurídico a um escritório terceirizado. Mas essa opção não leva em consideração o grau de complexidade e envolvimento de áreas especializadas, principalmente a financeira.

Além de ser necessário estabelecer valores confiáveis dentro dos critérios de classificação de riscos para as demandas judiciais, é preciso analisar os custos de manutenção do contencioso. A forma de contratação de serviços jurídicos é muito importante para estabelecer um compromisso com resultados. O pagamento mensal de honorários pelo tempo em que tramitar o processo deve ser evitado. Isso porque esta prática inibe o interesse do parceiro no saneamento do passivo jurídico. O ideal é efetuar a contratação por etapas processuais, não se esquecendo de estabelecer um adicional por êxito no fechamento de acordos abaixo da margem fornecida pela empresa.

Terceirizados

Outro assunto que merece destaque diz respeito às ações contra terceirizados, em que a empresa figura como ré por responsabilidade solidária ou subsidiária. Estas ações têm a defesa, por parte da empresa, limitada a se eximir da responsabilidade pleiteada. O que, geralmente, exige menos trabalho que em um processo direto. Portanto, é importante diferenciar estas ações no ato da contratação.

Como são expressivos os valores em disputa nas contendas judiciais, os números devem ser estritamente controlados dentro de processos confiáveis que envolvam todas as áreas interessadas. Portanto, é de suma importância checar e conferir os processos e normas relacionadas ao jurídico.

*Diretor da Macdata Tecnologia, participou de levantamentos de passivos e de geração de processos e softwares de controle em empresas como a Petrobras, Votorantim e Mahle.

BannerUltimaInstancia_SuperBanner_MacPJe

 Entre em contato com a MACDATA Tecnologia (11) 4702-7323

Macdata assina convênios com seccionais/subseções da OAB e CAAs

Softwares jurídicos podem ser adquiridos com descontos especiais

parceriasOs advogados, estagiários e estudantes de Direito de diversas seccionais e subseções da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) podem agora contar com descontos especiais em toda a linha de softwares da Macdata por meio das Caixas de Assistência dos Advogados e comissões. Assinaram convênios com a desenvolvedora de software que há 25 anos atende o universo jurídico brasileiro entidades como as subseções de Osasco, Santos e Guarulhos, todas no Estado de São Paulo, bem como as seccionais de Mato Grosso, Minas Gerais, Paraíba e Santa Catarina. Também firmou acordo a Macdata a Comissão do Jovem Advogado da OAB-SP. Os usuários dos convênios deverão comprovar quando da utilização dos serviços que são associados das entidades. As despesas decorrentes do convênio serão assumidas diretamente pelos associados.

Rodrigo Farias Julião, presidente da subseção de Santos (SP)

Rodrigo Farias Julião, presidente da subseção de Santos (SP)

“Vejo como muito importante a assinatura desse convênio com a Macdata, especialmente em relação ao software para elaboração de petições eletrônicas, que atende a uma área em que não apenas os advogados da Paraíba, mas os de todo o Brasil, encontram dificuldades”, comentou o presidente da Caixa de Assistência dos Advogados da Paraíba, Carlos Fábio Ismael dos Santos Lima. Segundo Lima, a CAA de seu Estado está “investindo muito” em seus núcleos digitais e, portanto, a assinatura do convênio é oportuna. Também Rodrigo Farias Julião, presidente da subseção de Santos (SP), defende a assinatura do convênio como forma de a entidade contribuir para o processo de informatização do mundo jurídico. “Esses programas somados a nosso centro de apoio digital irão melhorar a produtividade dos advogados e escritórios em nossa região”, avaliou.

Veja alguns programas que passaram a estar ao alcance dos advogados em condições vantajosas:

– MAC PJe: solução integrada da Macdata para advogados que precisam elaborar petições eletrônicas destinadas aos diversos tribunais brasileiros. Converte arquivos dos tipos .doc, .xls, .tiff e .jpg em PDF; reduz o tamanho das imagens em mais de 90%; gera PDF compactado.

– CERTUS WEB: adotado por instâncias do Poder Judiciário, o Certus é um sistema online que executa cálculos judiciais e extrajudiciais, possibilitando a apuração de resultados precisos e permitindo a apresentação e contestação de valores. Oferece uma infinidade de aplicações, abrange as regras do novo Código Civil e contém mais de 40 índices atualizados automaticamente, proporcionando suporte técnico para o fechamento de acordos.

– INTERSAP OFFICE: Versão para pequenos escritórios de advocacia do programa Intersap Web. Assim como seu irmão mais velho, o Intersap Office é um programa de aplicação modular criado para solucionar etapas isoladas de um processo administrativo/jurídico ou ser utilizado na gestão completa. Sua arquitetura, com storage construído por meio de algoritmos eficientes, permite navegação ágil. Possui qualidades idealizadas para garantir ganhos de produtividade, sobretudo em gestão de processos jurídicos, contratos, riscos, finanças e digitalização de documentos.

http://oab.macdata.com.br/

Aos dirigentes da OAB em todo o Brasil: se sua seccional ou subseção ainda não é conveniada, entre em contato com a Macdata.

 www.macdata.com.br

BannerUltimaInstancia_SuperBanner_MacPJe

BannerUltimaInstancia_SuperBanner_CertusWeb

 Entre em contato com a MACDATA Tecnologia (11) 4702-7323

As vantagens de terceirizar os cálculos de liquidação

Precisão e ganhos de produtividade favorecem departamentos jurídicos e escritórios de advocacia

ProcálculoO cálculo judicial é uma tarefa por demais especializada para ser entregue a leigos. Isso porque são necessários preparo e ferramentas adequadas para lidar com a matemática financeira e atuarial. “Atuamos com cálculos judiciais há 24 anos, desde a época inflacionária e seus incontáveis índices econômicos. Hoje, com a estabilidade da moeda, nosso grande desafio nessa área é aliar precisão e rapidez, liberando advogados, escritórios de advocacia e departamentos jurídicos corporativos para as demais atividades”, analisa Antonio Carlos Alvim de Macedo, diretor da Macdata.

Na esfera de cálculos judiciais para reclamados, a Macdata acaba de desenvolver um pacote de serviços inédito voltado a empresas e escritórios com grande demanda por essa natureza de serviço. O foco principal da Procálculo, divisão da Macdata especializada em cálculos judiciais e extrajudiciais, está nos chamados cálculos de liquidação.

Infelizmente, a chutometria continua sendo arma recorrente. E ela pode custar caro. Logo, não basta ganhar um processo. É preciso discutir os cálculos relativos aos valores. Vale lembrar que os laudos sobre a consistência de operações de cálculos efetuados por terceiros (reclamantes e peritos judiciais) são recursos indispensáveis para evitar prejuízos aos reclamados.

O método de elaboração dos cálculos da Macdata é totalmente informatizado em todas as fases, ou seja, da solicitação à entrega. Os resultados são enviados eletronicamente, em formato PDF (Acrobat Reader), para que sejam utilizados no local da apresentação, racionalizando o tempo disponível. É possível, também, integrar a coleta de informações de RH com o software utilizado pelo cliente.

Além da liquidação, a Procálculo elabora levantamento de passivos jurídicos, cálculos para provisionamento, contabilização de passivos, relatórios para auditorias, além de prestar assistência pericial. Os números produzidos podem ser integrados com o ERP utilizado pelo cliente, como, por exemplo, o SAP.

Web

O envio dos dados para a elaboração dos cálculos é realizado pela internet. “O ideal é que os cálculos sejam iniciados logo após o trânsito em julgado, evitando-se custos relativos à urgência”, alerta Macedo. Com esse expediente, o serviço da Macdata acaba oferecendo vantagens extras em matéria de custo/benefício. Já utilizam o pacote de serviços de cálculos judiciais da Macdata, organizado em franquias por volume, empresas como a Eaton, Mahle, Petrobras, Banco BMC, VCP e outras. A Macdata também atende departamentos de Recursos Humanos com atribuições na área de cálculos trabalhistas.

Procálculo

BannerUltimaInstancia_SuperBanner_MacPJe

Entre em contato com a MACDATA Tecnologia (11) 4702-7323

Intersap Office leva a mais avançada tecnologia corporativa aos pequenos escritórios

Usuário iniciante investe valor mensal reduzido referente a um volume de até 100 processos ativos

Intersap OfficeA alta tecnologia incorporada aos softwares de gestão jurídica não é mais privilégio das grandes corporações. A Macdata acaba de disponibilizar o Intersap Office, versão para pequenos escritórios de advocacia do programa Intersap Web. Assim como seu irmão mais velho, o Intersap Office é um programa de aplicação modular criado para solucionar etapas isoladas de um processo administrativo/jurídico ou ser utilizado na gestão completa. Sua arquitetura, com storage construído por meio de algoritmos eficientes, permite navegação ágil. Possui qualidades idealizadas para garantir ganhos de produtividade, sobretudo em gestão de processos jurídicos, contratos, riscos, finanças e digitalização de documentos.

O Intersap Office também opera pela internet e pode ser acessado a partir de qualquer computador conectado à rede. Veja algumas de suas aplicações.

– Gerencia processos e documentação jurídicos, administrativos e consultivos;

– Registra andamentos, comentários, histórico, eventos e documentos;

– Fornece agenda em dois formatos: analítica e “Outlook”;

– Controla tarefas por usuários;

– Emite avisos de compromissos e tarefas por e-mail automaticamente;

– Restringe acessos por horários e por IP;

– Gerencia documentos eletronicamente;

– Fornece filtro de dados para emissão de relatórios;

– Gera relatórios (PDF, Excel e Word) detalhados, personalizados com nome e logotipo;

– Facilita o Controle das tarefas dos colaboradores.

A Macdata Tecnologia está sempre trabalhando em aprimoramentos. As atualizações, portanto, são feitas de forma automática, sem necessidade de intervenção dos usuários.  Com o uso do Intersap Office, o escritório reduz a necessidade de investimentos na aquisição e manutenção da infraestrutura física de redes locais, servidores e instalação de softwares nos computadores. Os acessos são protegidos por senhas criptografadas, sendo possível determinar inúmeras restrições, desde tipo de documento até horários e IPs. O tráfego de informações é protegido por certificado SSL, auditado e reconhecido internacionalmente.

A forma de comercialização do Intersap Office usa o princípio do taylormade, ou seja, adaptável aos recursos e necessidades de cada usuário, que começa a trabalhar com o programa pagando no primeiro mês apenas o valor mínimo referente a uma quantidade de até 100 processos ativos. Para mais detalhes, visite o site http://office.macdata.com.br/.

Intersap Web

Entre em contato com a MACDATA Tecnologia (11) 4702-7323

Adoção de TI otimiza processos dos escritórios, diz diretor da Macdata

Por Talula Mel

A demanda por serviços de TI é proporcional à evolução da tecnologia e à mudança de costumes”, afirma Antonio Carlos Alvim de Macedo, diretor da Macdata Tecnologia, empresa que fornece softwares e serviços à área jurídica.

Antonio Carlos Alvim de Macedo, diretor da Macdata Tecnologia

Antonio Carlos Alvim de Macedo, diretor da Macdata Tecnologia

Em entrevista ao Última Instância, Macedo falou da adoção da TI no universo jurídico. “A otimização dos processos, que vão desde a eliminação do papel até a prestação de serviços em home office”, vem sendo crescentemente procurada pelos profissionais da área. Segundo ele, com a apropriação da tecnologia de informação pelas instâncias jurídicas no Brasil, a tendência é que a demanda por esses serviços avancem também nos escritórios privados de advocacia.

Leia a seguir a íntegra da entrevista com o diretor da Macdata:

Última Instância: Como você avalia a adoção da Tecnologia da Informação pelos escritórios de advocacia brasileiros nos últimos anos? A demanda dos escritórios por serviços de T.I tem crescido muito?

Antonio Carlos Alvim de Macedo: A demanda por serviços de TI nos escritórios de advocacia caminha juntamente com a evolução da tecnologia e a mudança de costumes. Não é preciso voltar muito no tempo para constatar a evolução dos equipamentos. Hoje, com um smartphone, é possível consultar processos pela Internet, fotografar e enviar documentos, interagir com sistemas de gestão e mais. Portanto, a demanda tem crescido por serviços que otimizem o tempo, aumentando a produtividade.

A Tecnologia da Informação está amplamente difundida nos escritórios de advocacia?

Macedo: Um fator importante na difusão e adoção de práticas e sistemas é a própria informatização da Justiça brasileira. Uma vez que o poder público evolua na tecnologia da informação, a tendência é a adoção de novos processos por parte da iniciativa privada.

Atualmente, o nível de utilização de TI nos escritórios no Brasil está em linha com o que já é adotado por seus pares na Europa, Estados Unidos ou América Latina?

Macedo: A Justiça brasileira possui características próprias. Um exemplo é a Justiça do Trabalho, que permite grande quantidade de recursos impetrados em um processo. Isso dificulta a comparação com outros países. Algumas práticas, entretanto, como a padronização dos documentos judiciais, requerimentos e outras já adotadas no exterior, seriam muito bem-vindas no Brasil. Destaco, como facilitador, a leitura eletrônica desses documentos.

Como a TI pode contribuir para uma gestão mais eficiente do escritório?

Macedo: Otimizando processos, que vão desde a eliminação do papel até a prestação de serviços em “home office”. Essa modalidade de trabalho, por sinal, já é adotada por muitos escritórios de porte na cidade de São Paulo.

O menor crescimento da economia afetou a demanda dos escritórios por produtos e serviços de TI?

Macedo: Quando a expansão dos negócios é reduzida, em função de problemas econômicos, temos de buscar maior eficiência com os mesmos recursos financeiros. Esse fenômeno está ligado diretamente à adoção de tecnologias que proporcionem maior produtividade. Portanto, em teoria, a demanda por produtos e serviços de TI em tempos de vacas magras deveria aumentar. Mas, em muitos casos, isso não acontece em razão do fator psicológico sugerir o famoso “pé no freio” em matéria de novos investimentos.

Qual é sua avaliação sobre a informatização dos tribunais no Brasil? O processo tem sido muito lento? Há críticas a esse processo de adoção de TI pela Justiça?

Macedo: Existem dificuldades tremendas, a começar pelo conservadorismo, passando pelo corporativismo e desaguando na má aplicação de recursos. Todos esses fatores combinados têm impactado negativamente no processo como um todo. Podemos, contudo, avaliar como positivo o progresso na informatização dos tribunais na medida em que boa parte já está operando de forma satisfatória no âmbito da tecnificação.

Quais são os carros-chefe da Macdata? O que estes serviços oferecem? Para a empresa, como o mercado tem se comportado em 2013?

Macedo: A Macdata está presente no mercado há 25 anos, desenvolvendo softwares e serviços de apoio à advocacia. Em parceria com a UOL Diveo, disponibilizamos servidores e infraestrutura robusta para empresas e escritórios dos mais variados portes. Hoje em dia atuamos na guarda de documentos, digitalização, classificação de processos, execução de cálculos judiciais, gestão de riscos e provisionamentos, levantamentos de passivos e fornecimento de softwares de gestão integrados. Este é um ano marcante para a Macdata. Isso porque estaremos disponibilizando a aplicação Procálculo (cálculos trabalhistas e cíveis), totalmente integrada ao nosso sistema de gestão Intersap e ao SAP. Viabilizando provisionamentos, acordos e liquidações com agilidade e segurança, esse novo software comprovará mais uma vez a capacitação da Macdata como o laboratório que mais apresenta soluções inovadoras para o universo jurídico nacional.

Entrevista veiculada no Especial GESTÃO JURÍDICA da Última Instância, patrocinado pela Macdata.

Modular, compatível e sempre atual, Intersap Web promove upgrade no universo Jurídico

Software da Macdata pode ser acoplado aos mais avançados sistemas de gestão

Laios Miranda, Gerente de TI da Macdata.

Laios Miranda, Gerente de TI da Macdata.

Softwares de gestão para a advocacia e setores jurídicos das empresas não são novidade. Na hora de escolher, entretanto, cabe levar em conta a tradição, aceitação e recursos disponíveis, especialmente o de receber atualizações capazes de mantê-lo eficaz a qualquer tempo e em todas as circunstâncias. Produzido nos laboratórios da Macdata, empresa com 25 anos de atuação na área, o Intersap Web hoje é responsável pelo upgrade de grandes, médios e pequenos escritórios de advocacia, além de departamentos jurídicos no âmbito corporativo. “Temos hoje clientes de todos os portes que migraram de softwares com instalação em servidores próprios para o moderno e ágil Intersap Web”, explica Laios Miranda, Gerente de TI da Macdata.

Trata-se de programa de aplicação modular criado para solucionar etapas isoladas de um processo administrativo/jurídico ou ser empregado na gestão completa. Sua arquitetura, com storage construído por meio de algoritmos eficientes, permite navegação leve e intercâmbio com os softwares de gestão mais utilizados nas empresas. Possui qualidades idealizadas para garantir ganhos de produtividade, sobretudo em gestão de processos jurídicos, contratos, riscos, finanças e digitalização de documentos.

O Intersap Web é fornecido pela Macdata no modelo SaaS – Software as a Service – em Data Center. Segundo Laios, a precificação do serviço depende do número de processos a ser gerenciado. “Isso significa que o Intersap Web é uma solução que atende às necessidades de usuários de todos os portes, com cobrança proporcional ao uso.” Outra característica atraente do programa, carro-chefe da Macdata, é o controle de acesso, que pode ser estabelecido por IP, usuário, horários e outros. O próprio Intersap Web emite relatórios, garantindo supervisão sobre toda a atividade relacionada aos documentos.

As atualizações são automáticas e os usuários, caso necessitem, podem receber informações sobre as a alterações por meio do recurso change log. O Intersap Web foi desenvolvido com tecnologia Microsoft, plataforma DotNet com interface em Silverlight e banco de dados MS-SQL. Para o gerente de TI da Macdata, a redundância na conectividade, backups diários e servidores dedicados são fatores que aumentam a segurança das informações armazenadas no sistema e sua ampla acessibilidade. “Toda a base de dados é disponibilizada até mesmo por meio de computadores pessoais, onde quer que os usuários se encontrem e exista conexão de Internet.”

Valores Iniciais

INTERSAP

Nas telas de Gestão de Riscos e Controle Financeiro é possível determinar que o sistema preencha os valores dos parâmetros em um novo processo,  por tipo de caso,  automaticamente.

Esta funcionalidade permite o ganho de produtividade e a redução de erros operacionais.

Acesse Painel de Controle / Parâmetros
Clique na aba Valores padronizados
Selecione Gestão de Riscos ou Financeiro
Informe os valores iniciais
Salve as modificações.

Software integrado a serviços promove eficiência na gestão de riscos jurídicos

O planejamento financeiro é um dos principais objetivos da gestão de riscos. Uma ação estratégica no ambiente corporativo, que atua por meio de provisões assertivas. Trata-se de uma atividade extremamente complexa que tem por finalidade a tradução de um processo jurídico em números confiáveis. O processo se inicia na apuração de valores, passa pela classificação de êxitos e, por fim, os valores são recalculados de acordo com as classificações atribuídas.

Para obter um resultado satisfatório com valores para provisionamentos, dentro de uma margem de segurança, os cálculos devem ser tratados como se estivessem na fase de liquidação de sentença. Na maioria das vezes, valores estimados produzem resultados falsos, induzindo a empresa a erros.

A gestão de riscos com provisionamentos corretos melhora sensivelmente a administração dos processos jurídicos em todas as fases, desde possíveis acordos até a liquidação de sentença. Além de refletir positivamente em diversos setores da empresa, principalmente nas áreas contábil e financeira, e nas empresas de capital aberto na relação com seus investidores.

A Macdata Tecnologia, empresa especializada em processos de gestão e cálculos na área jurídica, disponibiliza uma solução com software integrado a serviços, que possibilita atender a área de gestão de riscos jurídicos com eficiência.

Veja o modo de operação abaixo para entender o processo:

1. O cliente cadastra o processo e a imagem da petição inicial ou decisão;
2. A Macdata, com base na análise dos documentos disponibilizados, solicita ao cliente os dados necessários à execução dos cálculos;
3. Os cálculos são efetuados e os valores disponibilizados para atribuição de risco;
4. O advogado responsável atribui o risco por título em valor ou percentual;
5. O processo é liberado para provisionamento.
Toda a operação é executada on-line, via web, o que elimina atrasos e outros problemas inerentes aos meios convencionais, já que o trânsito de informações e documentos é inteiramente digital.

O sistema apoia-se no módulo de gestão de riscos do software Intersap e ao BPO Procalculo de serviços especializados em cálculos judiciais. Permite a integração com o RH e outros departamentos envolvidos, inclusive escritórios contratados pelo cliente, garantindo eficácia, uma vez que as ações e prazos são controlados pelo software.

O cliente tem a disposição uma diversidade de filtros e relatórios utilizados para gestão, podendo exportar informações para serem consumidas por outros softwares utilizados.

A Macdata Tecnologia atua na área de cálculos judiciais e gestão jurídica há 25 anos. Foi responsável pelo levantamento de passivo e liquidação de processos em diversas empresas, destacando-se entre elas a Petrobras, Eaton do Brasil, Banco BMC, Votorantim Papel e Celulose, dentre outras.

Procálculo